DSC 5808aweb conferência municipal de educação   união da vitória/pr
A Conferência Municipal de Educação de União da Vitória, realizada nos dias 20 e 21 de junho no Colégio Estadual Túlio de França, contou com a participação expressiva de professores, alunos e profissionais da educação. Mais de 300 pessoas debateram o documento-referência da Conferência Nacional de Educação (Conae 2014), que tem como tema “O PNE na Articulação do Sistema Nacional de Educação: participação popular, cooperação federativa e regime de colaboração”. Além de educadores e representantes da comunidade, o relator do Plano Nacional de Educação, deputado federal Angelo Vanhoni, esteve presente no encontro e falou sobre as 20 metas que compõe o plano. O deputado ressaltou também a importância que as conferências de educação tiveram na elaboração do PNE.

A Conae de 2010 reuniu os trabalhadores na área de educação no Brasil inteiro e mobilizou mais de 3 milhões de pessoas. O conjunto de reivindicações organizado por esta conferência deu base para a elaboração do projeto do governo que foi encaminhado para a Câmara dos Deputados. O projeto chegou em dezembro de 2010, em março de 2011 nós montamos uma Comissão Especial na Câmara e levamos o ano inteiro fazendo audiências públicas pelo país. Todos os estados fizeram audiência pública sobre o Plano Nacional de Educação, e com a participação de todos os setores, os trabalhadores que militam pelos afrodescendentes, pela educação indígena, a educação ambiental, os portadores de deficiência, os professores universitários, quem trabalha a ciência e a tecnologia, quem trabalha com a educação infantil, o ensino médio, o ensino profissionalizante, o ensino superior. Enfim, as audiências se estenderam durante o ano e nós percorremos o Brasil inteiro.

aweb conferência municipal de educação   união da vitória/pr

Eu acredito que fizemos um bom texto, um bom plano que pensa a educação como um todo. São 13 artigos que orientam e definem os princípios da educação, são 20 metas muitas claras: a primeira é a educação infantil de 0 a 3 anos e a vigésima trata da questão do financiamento. Cada meta destas tem um conjunto de estratégias para orientar os secretários de educação, os diretores de escola e os professores em como atingir aquela meta em cada rede municipal, em cada rede estadual e na União.
Nós aprovamos o Plano Nacional de Educação na Comissão Especial da Câmara dos Deputados e o enviamos para o Senado. Lá ele é analisado por 3 comissões: a de Economia, de Justiça e Cidadania e a de Educação. O projeto já passou pela Comissão de Economia, está agora na Comissão de Justiça e no próximo semestre vai para a Comissão de Educação. Esta lei é, na minha opinião e da Câmara dos Deputados, pois nós a aprovamos por unanimidade, um instrumento de mudança de rumo no nosso país. O Brasil será um antes e outro depois desta lei.
Angelo Vanhoni

DSC 5981aweb conferência municipal de educação   união da vitória/prPedro Ivo Ilkiv, prefeito de União da Vitória e Angelo Vanhoni.